Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Edição #200

Agosto 17

Nesta edição

A nova Continente #200

“Escrever, para mim, virá talvez a adquirir, algum dia, um sentido mais preciso e elevado. No momento, representa um modo de não sucumbir”, escreveu Osman Lins, numa das cartas destinadas às filhas, Litânia, Letícia e Ângela. O escritor passou a se corresponder com elas após mudar-se para São Paulo. Parte desse acervo epistolar tão íntimo e inédito – cedido à Continente por suas filhas, a quem voltamos a agradecer – foi transformada numa bela crônica pelas mãos do historiador e escritor José Luiz Passos, que amalgama as vozes de primeira e terceira pessoas numa celebração da memória e do afeto ao aclamado autor de Avalovara. Eis o texto de capa desta edição, que inaugura a nova fase da revista, em seu número 200.


Nossa última grande mudança aconteceu em abril de 2009, na Continente #100. Agora, chegamos a um contexto social, político e cultural diferente, que vem, a cada dia, desafiando o jornalismo a encontrar novos espaços e atualizar suas formas de estar no mundo. Respondemos ao momento com layout e proposta editorial mais contemporâneos, adensando a qualidade de um conteúdo que há 17 anos vem legitimando a publicação no cenário do jornalismo cultural brasileiro. Em vez das seções destinadas a linguagens culturais, a revista terá boa parte de seus textos distribuídos por gêneros jornalísticos, tais como reportagem, entrevista, artigo, ensaio, crítica. A literatura, o cinema, o teatro, as artes visuais, a música e as outras temáticas que sempre correram as páginas da Continente seguirão por aqui, surgindo aos leitores de modo mais híbrido e livre.


Em paralelo à modificação na revista impressa, o site acompanha as transformações, tornando o conteúdo ainda mais alinhado e acessível em diversas plataformas. No endereço www.revistacontinente.com.br, os leitores encontrarão não apenas as matérias das edições impressas, mas ainda conteúdos exclusivos. As colunas de José Cláudio (Matéria Corrida) e Ronaldo Correia de Brito (Entremez), antes publicadas na Continente impressa, migraram para o endereço eletrônico, onde também teremos uma nova coluna, a da nossa repórter especial Débora Nascimento.
Ao longo deste início de século XXI, acompanhamos a cena cultural local, nacional e internacional, sempre entendendo a cultura em seu sentido mais amplo, sempre tendo clareza, também, de que somos uma revista feita em Pernambuco, com os pés fincados por essas bandas, mas o olhar no horizonte e no futuro. Vida longa à Continente!

Leia

Publicidade

Destaques

Sumário