Indicações

[MOSTRA] Max Motta e Whittney de Araújo

Mostra "Territórios Pina: Dois Olhares que Se Entrelaçam", da Christal Galeria de Arte, encerra o processo de residência artística vivenciado pelos dois artistas

27 de Maio de 2024

Artista Max Motta explora a figura humana em convívio social

Artista Max Motta explora a figura humana em convívio social

Foto Divulgação

Repleto de histórias e memórias de resistência, o bairro do Pina, como local de resistência histórico diante da especulação imobiliária, é refletido em narrativas artísticas propostas por Max Motta e Whittney de Araújo. Após residência artística na Christal Galeria, situada no mesmo bairro, a dupla apresenta a exposição de pinturas intitulada Territórios Pina: Dois Olhares que Se Entrelaçam, a ser inaugurada nesta terça-feira (28). A residência também se estendeu a novos curadores, como Eduarda Oliveira, que participou do processo sob a coordenação da curadora Joana D´Arc Lima.

Mergulhados na vida cotidiana da comunidade, os artistas observaram atentamente seus aspectos exteriores e interiores, gestos, olhares e modos de vida dos moradores. As experiências vividas durante essas incursões resultaram em uma cartografia visual única e não oficial do Pina, destacando a multiplicidade de perspectivas dos artistas sobre o mesmo território. Ao cruzar e divergir seus olhares, Max e Whittney revelam diferentes maneiras de representar o real, cada um com sua abordagem investigativa e estilística.

Max Motta, com sua larga experiência em pintura de grande formato e murais, além de sua incursão recente na pintura em tela, explorou a figura humana e cenas de convívio social, enriquecendo suas obras com detalhes minuciosos e expressões vívidas. Por sua vez, Whittney de Araújo, em seus primeiros passos no mundo artístico, experimentou com a figuração e uma paleta de cores variada, trazendo para suas pinturas fragmentos do cotidiano do Recife, com foco na denúncia das questões sociais.

SERVIÇO
Territórios Pina: Dois Olhares que Se Entrelaçam
Onde: Christal Galeria de Artes (Rua Estudante Jeremias Barros, 266, Pina).
Quando: A partir de 28 de maio. Horários: de segunda a sexta das 10h às 19h; e aos sábados, das 10h às 16h.
Quanto: Entrada gratuita

Publicidade

veja também

[Mostra] “Histórias do Cinema Brasileiro”

[Exposição] “A Festa do Fogo - Retrato de um Forró no meu Sertão”

[INSCRIÇÕES] FESTIVAL MOV