Indicações

Curso gratuito Políticas do Contra-Arquivo

Inscrições estão abertas até 12 de julho para aulas no Memorial da Democracia de Pernambuco

01 de Julho de 2024

Imagens de arquivo ajudam a refletir a importância da memória e das relações de poder

Imagens de arquivo ajudam a refletir a importância da memória e das relações de poder

Foto Coleção Miguel Arraes - Fundação Joaquim Nabuco

Pensar criticamente sobre a memória e a história a partir de imagens de acervos locais pernambucanos e de trabalhos de fotógrafos e artistas contemporâneos. Estão abertas as inscrições para o curso gratuito Políticas do Contra-Arquivo, ministrado pelos artistas e pesquisadores Marcela Lins e Guilherme Benzaquen. A ação acontece nos dias 19 e 26 de julho e 2 e 9 de agosto, no Memorial da Democracia de Pernambuco, sempre das 14h às 17h. 

A proposta é que as imagens sejam mediadoras de debates sobre rememoração, desvios e fabulação crítica. Segundo Guilherme, “esse é um curso que busca refletir criticamente sobre o que mobiliza o corpo arquivístico e sobre como nos posicionamos enquanto pesquisadores e artistas, entendendo que há sempre uma relação de poder a ser negociada”. Além de atividades práticas, haverá momentos expositivos, quando serão debatidas teorias de autores que têm se centrado na questão do arquivo, do contra-arquivo, do poder e da memória. “Nossa ideia é unir teoria e prática, de modo a estimular um olhar crítico às imagens e à construção da memória”, completa Marcela.

O curso se insere em uma pesquisa mais ampla desenvolvida por Marcela e Guilherme intitulada Rastros e Levantes em Pernambuco, sobre imagens e processos insurgentes nos arquivos locais, que resultou na publicação FMPE – Imagens de Luta. Marcela Lins é artista, jornalista e doutoranda em comunicação social na UFMG, onde tem desenvolvido uma pesquisa sobre memória, arquivos e legibilidade histórica. Guilherme Benzaquen é artista, doutor em sociologia pela UFPE e tem pesquisado temas relativos à ação coletiva e à crítica do existente. Ambos já participaram de exposições individuais e coletivas em instituições como Fundação Joaquim Nabuco, Mac-Paraná e Itaú Cultural, e têm atuado como pesquisadores em diversos projetos. 

O projeto foi contemplado no Edital da Lei Paulo Gustavo Pernambuco e tem apoio financeiro do Governo do Estado de Pernambuco, através da Secretaria de Cultura do Estado via Lei Paulo Gustavo, direcionada pelo Ministério da Cultura - Governo Federal. 

SERVIÇO
Curso Políticas do contra-arquivo
Inscrições até 12 de julho https://forms.gle/uC6i49PXitsqAt8j7
Quando: dias 19 e 26 de julho e 2 e 9 de agosto, das 13h às 17h
Onde: Memorial da Democracia de Pernambuco - Fernando Vasconcellos Coelho (Sítio da Trindade - Estrada do Arraial s/n, Casa Amarela)

veja também

Play Rec realiza curso online

Virtuosi celebra maestro Clóvis Pereira

Claudia Abreu encarna Virginia Woolf