Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[seriado] Chernobyl

Exibida pela HBO, trama reconstitui uma das maiores tragédias nucleares da Europa

TEXTO Revista Continente

06 de Maio de 2019

Foto Divulgação

Em abril de 1986 não havia Twitter nem Facebook, e a internet estava apenas engatinhando, quando aconteceu uma das maiores catástrofes da era contemporânea: a explosão numa usina nuclear na União Soviética. Chernobyl, seriado que a HBO exibe em todo planeta neste mês, revisita os eventos que culminaram no desastre com um roteiro meticuloso e uma impressionante reconstituição de época, sem falar no elenco – Jared Harris, Emily Watson, Stellan Skarsgård à frente. A dimensão da tragédia, escrita pelo norte-americano Craig Mazin, é debulhada sem pressa, conferindo aos cinco episódios uma inegável aura apocalíptica que, nesse caso, não é explorada em vão, apenas para entreter. É fato: como não havia redes sociais, muitos nem desconfiam, mas esse poderia ter sido o fim da Europa ou mesmo do mundo ocidental, naquela época ainda moldado por décadas de tensionamento provocado pela Guerra Fria.

Publicidade

veja também

[Fotolivro] Olhos do Brasil

[Seminário] Romance: modos de fazer

[Espetáculos] Digital Dellarte

comentários