Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[Literatura] Stanisiere se volta ao universo feminino

Em novo livro, Inês Stanisiere trata questões como trabalho, amor, sonhos e relacionamentos

TEXTO Revista Continente

02 de Janeiro de 2020

A autora já publicou 15 livros infantojuvenis

A autora já publicou 15 livros infantojuvenis

Ilustração Divulgação

Depois de escrever 15 obras infantojuvenis, Inês Stanisiere se volta para o universo feminino da contemporaneidade em Das coisas escondidas dentro de mim e que dão medo (Editora Letramento, 2019). Neste, que é seu primeiro trabalho adulto, questões como trabalho, amor, sonhos e relacionamentos são buriladas ao longo de uma narrativa repartida em capítulos. Existe liberdade na forma: os textos surgem no formato de poemas, crônicas e pequenos contos, amealhados ao longo de uma produção de vários anos, nos quais Inês se dividia entre a literatura para o público mais jovem e sua atividade como roteirista de uma emissora de televisão. Nascida na Angola, mas há muito radicada no Rio de Janeiro, a autora tem formação em Jornalismo, mas encontrou na literatura o meio para melhor se expressar, antes com títulos como O caderno podrão do Bolinha e do Bolão e Diário de Carol, agora já propondo reflexões mais adultas e aprofundadas.

Publicidade

veja também

[Cinema] FestCurtas Fundaj 2020

[Documentário] Recoding art

[Música] Heaven to tortured mind

comentários