Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[Cinema] Synonyms

Vencedor do Urso de Ouro da '69ª Berlinale', terceiro longa de Nadav Lapid explora dualidades e contradições contemporâneas

TEXTO Revista Continente

07 de Novembro de 2019

Yoav (Tom Mercier) é o protagonista de Synonyms

Yoav (Tom Mercier) é o protagonista de Synonyms

Imagem Guy Ferrandis/SBS Films

[conteúdo na íntegra | PARTE 1 | ed. 227 | novembro de 2019]

contribua com o jornalismo de qualidade

Foi uma surpresa bem-recebida o anúncio de Synonyms como o vencedor do Urso de Ouro da 69ª Berlinale. Porque o terceiro longa-metragem do diretor Nadav Lapid, cuja estreia no Brasil se dá neste mês de novembro via Fênix Filmes, é uma incisiva e divertida investigação sobre dualidades e contradições a nos assolar nessa contemporaneidade. Yoav (Tom Mercier) nasceu em Israel, mas só quer fugir do legado judeu e, para isso, desembarca em Paris, com a esperança de que a França e os franceses possam curá-lo da loucura do seu país. Em Berlim, Lapid afirmou que a jornada do protagonista tinha uma vaga semelhança com a sua, pois ele também recorreu a Paris por acreditar que nascera no Oriente Médio por engano. Uma chance para se reinventar… Quem nunca quis?

Publicidade

veja também

[Cinema] FestCine

[Biografia] Bianor: Trajetórias e Memórias

[Lançamento] Terça negra no Recife

comentários