Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[artes visuais] Urbe-se

O objetivo do projeto é criar novas relações entre a população e os espaços públicos da cidade

TEXTO Revista Continente

31 de Janeiro de 2019

As intervenções acontecem agora em fevereiro, na Casa da Cultura e no Monumento Tortura Nunca Mais

As intervenções acontecem agora em fevereiro, na Casa da Cultura e no Monumento Tortura Nunca Mais

Foto Hassan dos Santos

A palavra latina Urbe remete-se aos aglomerados populacionais e arquitetônicos, ao ambiente urbano onde ocorrem cotidianamente trocas sociais, comerciais e culturais. E é na ressignificação dessas relações entre o espaço público e seus moradores que o projeto Urbe-se está interessado. O coletivo vai realizar duas ações artísticas no centro do Recife a fim de que a população tenha uma outra percepção desses lugares e assim crie novas conexões com a cidade. Dessa forma, sete artistas de diferentes gerações da arte pernambucana, como Equipe S.A, Isabela Stampanoni e Chico Ludermir, foram convidados para criar obras em vídeos e projetá-las na fachada da Casa da Cultura e no Monumento Tortura Nunca Mais. Além de interação com o grupo de VJs Retinantz, cada intervenção vai ter trilha sonora do músico Alex Mono. As projeções de videomapping acontecem nesta sexta (1/2) e no sábado (2/2), das 19h às 21h e são abertas ao público. Mais informações sobre o evento e o coletivo Urbe-se estão na página do projeto no Facebook.  

 

Publicidade

veja também

[Videoclipe] Revólver

[curso] Escola de Frevo do Recife

[teatro] Cicatriz

comentários