Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[Redes sociais] Recomendações de Chimamanda

Autora nigeriana usa sua conta no Instagram para dicas culturais

TEXTO Revista Continente

01 de Julho de 2020

Uma das recomendações da autora foi o álbum da brasileira Xênia França

Uma das recomendações da autora foi o álbum da brasileira Xênia França

Imagem Reprodução

A pandemia da Covid-19 fez emergirem problemas sociais pré-existentes. Aderindo ao movimento #BlackLivesMatter, pessoas de vários países foram às ruas, em protestos antirracistas, mesmo em meio à quarentena. Outras utilizam suas redes sociais como apoio e amplificação da causa. A escritora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie, autora de best-sellers como Americanah, Hibisco roxo e Sejamos todos feministas, é uma das principais vozes contemporâneas sobre feminismo negro. Em seu perfil do Instagram, @chimamanda_adiche, ela compartilha vídeos de leituras de suas obras, abre espaço para posicionamentos políticos e faz recomendações de produções de artistas negros e negras. Uma delas, a recomendação do álbum da cantora brasileira Xênia França, Xenia (2017).

Publicidade

veja também

[Infantil] Itaú Cultural

[Poesia] Rima Anima

[Cênicas] Tudo que coube numa VHS

comentários