Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Arquivo

Obras que instigam um reencontro

TEXTO Marco Polo Guimarães

01 de Julho de 2012

Ilustrações Pedro Zenival

[conteúdo vinculado à reportagem de "Leitura" | ed. 139 | julho 2012]

A Coleção Acervo Pernambuco ganhou corpo
quando se constatou que diversas obras de alto relevo para a cultura do estado achavam-se esgotadas, fora de catálogo ou transformadas em raridades, só encontráveis em arquivos públicos ou em poucas bibliotecas particulares. Eram obras que cobriam diversas áreas, como literatura, teatro, artes plásticas, história, sociologia, antropologia, geografia, música etc., e que mereciam estar ao alcance dos leitores especializados, fossem estudiosos ou pesquisadores, bem como ao alcance do público em geral, interessado em conhecer o passado de Pernambuco para melhor entender seu presente.

A partir da constatação dessa realidade, foi solicitado ao Conselho Editorial da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe), formado por professores universitários, jornalistas, arquitetos, escritores e pesquisadores reconhecidamente categorizados, que formulassem uma lista de prioridades para que fosse iniciada a coleção. De uma lista inicial de 100 títulos, foram escolhidos 10, para dar início à edição.

Além da atualização ortográfica, ficou patente que seria também necessário contratar um especialista de cada área, a fim de que pudesse fazer uma contextualização da obra, um perfil biográfico do autor, e uma comprovação da pertinência de sua reedição. Uma identidade gráfica, de capa e miolo, atraente e funcional, também foi encomendada a uma profissional competente, estando assim concluído o projeto editorial da coleção.

Para viabilizar as publicações, estabeleceu-se contato com os eventuais herdeiros dos autores, tendo em vista que a maioria é falecida. À alegria e orgulho desses herdeiros juntou-se uma imensa boa vontade de cooperar no trabalho de trazer de volta essas obras, o que facilitou bastante todo o processo.

Agora, os 10 primeiros livros da Coleção Acervo Pernambuco chegam às mãos de todos, para que se comprove sua importância. E já se dá prosseguimento a uma nova listagem de títulos que enriqueçam esse acervo, que não é mais do que o acervo da cultura pernambucana. 

MARCO POLO GUIMARÃES, jornalista, escritor e compositor.

Publicidade

veja também

Pierre Verger: Registros de um Brasil à época desconhecido

[Entrevista] Mauro Rosso

Teste WEB INTERNO DEV (Hugo Campos)

comentários