Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[Livro] A engenhoca

A obra de Thiago Corrêa tem a proposta de trazer a experiência da chegada de um bebê para o público infantil

TEXTO Revista Continente

05 de Agosto de 2019

O livro foi escrito pelo pernambucano após o nascimento de sua primeira filha

O livro foi escrito pelo pernambucano após o nascimento de sua primeira filha

Foto Reprodução

Os impactos da chegada de um bebê numa família frequentemente foram pauta de debates e conversas entre os adultos que, diga-se de passagem, cada vez discutem mais esse lugar da maternagem e da paternagem no contemporâneo. Mas a proposta de Thiago Corrêa, no seu livro A engenhoca, era trazer a sua marcante experiência, com a chegada da filha, para o público infantil. O livro conta a história de Nicolau, um menino que sempre teve os olhos voltados para o céu e a cabeça para a lua. Ele cresce e torna-se pai de Aurora. Com a chegada da pequena, sua vida muda e ele não pode mais passar os dias inteiros olhando as estrelas, pois precisa aprender a lidar com questões da vida terrena. Para tanto, Nicolau cria uma engenhoca, mas não demora a perceber que seu colo pode ser a grande solução para o choro de Aurora. A obra levanta, de forma simples e lúdica, questões sobre a paternidade, a primeira infância e a criação de vínculos afetivos.

Publicidade

veja também

[Circo] 10ª Mostra de Circo do Recife

[Show] Madimboo lança primeiro álbum ‘Flertar é Humano’

[Cinema] 8½ Festa do Cinema Italiano

comentários