Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[HQ] O idiota, de Dostoiévski, em quadrinhos

Quadrinho conta a história de 'O idiota' sob uma nova e independente perspectiva

TEXTO Revista Continente

02 de Maio de 2018

HQ André Diniz/Divulgação

A história do jovem Míchkim, que sofria de epilepsia e, ao ser liberado do hospital, retornou à Rússia para encontrar com sua única parente viva, ficou conhecida em 1869, quando o escritor russo Fiódor Dostoiévski – que também sofria de epilepsia – lançou um de seus clássicos romances, O idiota. Invernos russos depois, no Brasil, o quadrinista André Diniz lançou, pela Companhia das Letras, a versão em quadrinhos da obra. Em preto e branco, apresentando poucos diálogos, é uma HQ que objetiva ser uma versão independente do texto original: outro olhar a respeito da criação de Dostoiévski. Segundo André, a técnica de criação dos desenhos foi inspirada na lubók, um tipo de gravura popular russa, remanescente do Medievo, semelhante à xilogravura de cordel.

 

Publicidade

veja também

[Circo] 10ª Mostra de Circo do Recife

[Show] Madimboo lança primeiro álbum ‘Flertar é Humano’

[Cinema] 8½ Festa do Cinema Italiano

comentários