Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Indicações

[curso] Vivência Malunga

Ofertado pelo Mamam, curso vai trabalhar a relação entre a ancestralidade africana e o corpo

TEXTO Revista Continente

28 de Fevereiro de 2019

O dançarino e professor Orun Santana

O dançarino e professor Orun Santana

Foto Danilo Galvão / Divulgação

O Museu de Arte Moderna Aloisio Magalhães (Mamam), localizado no centro do Recife, já disponibilizou a programação das diversas capacitações oferecidas ao longo do ano. Inaugurando a temporada de 2019 agora em março, o ator, bailarino e pesquisador de arte e cultura negra Orun Santana vai oferecer o curso Vivência Malunda - corpo, movimento e ancestralidade. Durante os dias 09, 16, 23 e 31, será trabalhada a relação do corpo com a ancestralidade de matriz africana a partir da experiência de dança de Orun e da pedagogia do Centro Cultural Daruê Malungo, instituição que também atua na formação de crianças e jovens em dança popular e afro-brasileira. Práticas como alongamentos, consciência corporal, improvisação e estudo dos princípios de movimento afro-diaspóricos farão parte das atividades da vivência. Para o público em geral, o curso custará R$200, com matrícula até o dia 9/3, porém também serão ofertadas dois tipos de bolsas (Autodeclaração e Social) com inscrições até esta quinta (28/2).  Mais informações estão no site do Mamam.

 

 

Publicidade

veja também

[exposição] Contextos Afro Digitais

[festa de encerramento] Chuva de brilho

[livro] Furtiva

comentários