• Exposição no MAC Olinda passeia pela história da arte moderna

    "Festa de igreja", de Alves Dias. Imagem: Aurélio Velho/Reprodução"Festa de igreja", de Alves Dias. Imagem: Aurélio Velho/Reprodução


    F
    ormada por três pilares - o retrato e o nu artístico; os personagens: reais e imaginários; cenas e lugares -, a exposiçãoAs pessoas reúne mais de 300 obras de artistas como Cândido Portinari (Os retirantes), Ladjane Bandeira (responsável pela sériaA biopaisagem), Noêmia Brandão (A modelo), David Hockney (A closer Grand Canyon), João Batista da Costa e Antônio Gomide, que ajudam a contar a história da arte moderna brasileira. Para tal, dividiu-se nos temas Natureza, Abstrato e Pessoas. A exposição entra em cartaz neste sábado (18/3), às 15h, na Galeria Tereza Costa Rêgo, no Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco (MAC). A curadoria é por conta da arquiteta e arte-educadora Lúcia Padilha, do projeto Recife Arte Pública.Uma curiosidade sobre a exposição é que ela faz parte do projeto Acervo Educativo do MAC-PE, voltado a implementar ações educativas no museu. Esta é a segunda das três exposições previstas para o MAC.

    Serviço
    Exposição As pessoas
    De 18 de março a 20 de junho (visitação das terças às sextas, das 9h às 13h)
    No Museu de Arte Contemporãnea de Pernambuco (Rua Treze de Maio, Olinda)
    Informações: (81) 3184-3153